Meteorologia

  • 21 JULHO 2018
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 19º

Edição

Mulher procurada por homicídio de jornalista em Malta entrega-se

Uma mulher russa procurada por Malta no âmbito do caso de homicídio com viatura armadilhada de uma jornalista de investigação, no ano passado, entregou-se hoje voluntariamente em Atenas.

Mulher procurada por homicídio de jornalista em Malta entrega-se
Notícias ao Minuto

21:21 - 20/03/18 por Lusa

Mundo Investigação

Segundo a polícia ateniense, Maria Efimova, de 35 anos, entregou-se numa esquadra da capital grega, dizendo aos agentes que temia pela vida, e ficou sob custódia.

Malta tinha emitido um mandado de captura para Efimova, alegando que ela forneceu provas falsas que poderiam levar à condenação de terceiros e fez falsas acusações às autoridades.

A jornalista maltesa Daphne Caruana Galizia foi morta a 16 de outubro, quando uma bomba fez explodir o seu carro quando ela conduzia perto de casa.

Três homens malteses que se crê terem acionado a detonação da bomba foram formalmente acusados de homicídio em dezembro e serão presentes a julgamento.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.