Meteorologia

  • 22 SETEMBRO 2018
Tempo
18º
MIN 18º MÁX 18º

Edição

Jovem morreu agredida por grupo de mulheres no Reino Unido

O crime gerou uma onda de indignação no Reino Unido e no Egito, país de origem da jovem.

Jovem morreu agredida por grupo de mulheres no Reino Unido
Notícias ao Minuto

23:24 - 16/03/18 por Notícias Ao Minuto 

Mundo Crime

Uma jovem de nacionalidade egípcia morreu esta última quarta-feira depois de ter sido agredida, há três semanas, por um grupo de mulheres, enquanto estava numa paragem de autocarro, no Reino Unido.

Mariam Moustafa, de 18 anos, era estudante de engenharia no Nottingham College, e foi atacada por um grupo de jovens mulheres a 20 de fevereiro. O grupo atacou-a na rua, Mariam fugiu para entrar num autocarro mas foi seguida pelas agressoras, que continuaram os abusos até à intervenção do condutor.

A jovem esteve em coma e acabou por morrer, na quarta-feira.

O crime gerou uma onda de indignação no Reino Unido e no Egito, não sabendo a polícia determinar ainda a causa do ataque. As autoridades indicaram que já foi feita uma detenção, de uma adolescente de 17 anos, mas que ainda se mantém todas as hipóteses em aberto, quando questionadas sobre se foi um ataque motivado por racismo.

Notícias ao MinutoImagem de Mariam, em coma, disponibilizada pela família© Reprodução

A família de Mariam queixa-se de que as mesmas atacantes agrediram a jovem e a irmã em agosto, deixando inclusive a irmã com uma perna partida, e que a polícia foi alertada mas que nada foi feito.

O secretário dos Negócios Estrangeiros britânico, Boris Johnson, comentou a situação no Twitter onde se disse “profundamente triste com a morte” de Mariam e indicou ter falado com a família da jovem e com o seu homologo egípcio, Sameh Shoukry, garantindo-lhe que a investigação prosseguia.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório