Meteorologia

  • 15 AGOSTO 2018
Tempo
21º
MIN 21º MÁX 22º

Edição

Kuwait contribui com dois mil milhões para a reconstrução do Iraque

O emirado do Kuwait anunciou hoje o empréstimo de mil milhões de dólares a Bagdad e investimentos orçados no mesmo montante destinados à reconstrução do Iraque.

Kuwait contribui com dois mil milhões para a reconstrução do Iraque
Notícias ao Minuto

09:28 - 14/02/18 por Lusa

Mundo Al Ahmad Al Sabah

O xeque Sabah Al Ahmad Al Sabah afirmou que pretende demonstrar "o mais profundo empenho" na pacificação do Iraque no sentido de se conseguir um país "estável" após a guerra contra o grupo radical Estado Islâmico e depois do "caos" que se seguiu à invasão internacional liderada pelos Estados Unidos, em 2003.

"A reunião desta grande reunião internacional que se encontra aqui hoje (Kuwait City) compreende as grandes perdas sofridas pelo Iraque na luta contra o terrorismo", disse o xeque Sabah, no encontro de doadores, hoje, na capital do emirado do Kuwait.

"O Iraque não pode iniciar a missão de reconstrução sem ajuda. É por isso que estamos aqui hoje, para estarmos ao lado do Iraque", acrescentou.

O Iraque pretende, pelo menos, 88 mil milhões de dólares de doações para a operação de reconstrução.

Entre as zonas mais afetadas encontra-se a cidade de Mossul, no norte do país, reconquistada em julho de 2017 à ocupação do Estado Islâmico.

Dos montantes que são necessários, as autoridades iraquianas estimam que, pelo menos 17 mil milhões de dólares, são necessários para a reconstrução de edifícios de habitação.

Segundo as Nações Unidas, mais de 40 mil casas têm de ser reconstruídas só na região de Mossul.

A guerra contra o grupo Estado Islâmico provocou cinco milhões de deslocados internos, sendo que apenas metade regressou aos locais de origem.

Os conflitos na Síria e no Iraque provocaram a maior vaga de refugiados e de deslocados desde a Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

De acordo com as autoridades norte-americanas, os Estados Unidos gastaram 60 mil milhões de dólares nos últimos nove anos em ações de reconstrução no Iraque.

Cerca de 25 mil milhões de dólares foram destinados às Forças Armadas iraquianas fortemente afetadas pela ofensiva do Estado Islâmico, em 2014.

A administração dos Estados Unidos refere que os planos de reconstrução do país têm sido afetados pela corrupção, facto que pode provocar a limitação da ajuda internacional.

O Irão está a participar na reunião de doadores, mas segundo a Associated Press são latentes as desconfianças da Arábia Saudita e de outros Estados do Golfo, aliados de Riade, em relação às intenções do governo de Teerão.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.