Meteorologia

  • 05 DEZEMBRO 2021
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Detido piloto de balão de ar quente que caiu no Egito

Uma procuradora egípcia ordenou hoje a prisão preventiva do piloto e três responsáveis da empresa proprietária do balão que na sexta-feira caiu em Luxor, provocando a morte a uma turista sul-africana e ferimentos em 15 pessoas.

Detido piloto de balão de ar quente que caiu no Egito

Segundo a agência de notícias egípcia MENA, as quatro pessoas, cujos nomes não foram divulgados, vão ficar detidas pelo menos durante quatro dias, enquanto as autoridades investigam o acidente.

O acidente com o balão de ar quente ocorreu durante um passeio turístico pelos monumentos faraónicos da cidade de Luxor, a sul do país, e segundo fontes que pediram anonimato, ter-se-á devido a uma rajada de vento na altura em que era realizada a manobra de descida.

Uma turista sul-africana morreu e outras 15 pessoas ficaram feridas, entre as quais cidadãos argentinos e brasileiros.

Em 2013, 19 turistas estrangeiros morreram quando o seu balão se incendiou. Em 2016, as autoridades egípcias suspenderam os passeios em balões depois de 22 turistas chineses terem ficado feridos quando o balão em que se encontravam caiu.

Os passeios de balão no Egito são atualmente monitorizados por câmaras e estão proibidos de subir acima dos dois mil metros.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório