Meteorologia

  • 28 JULHO 2017
Tempo
32º
MIN 32º MÁX 32º

Edição

Austrália suspende operações aéreas na síria após advertências russas

A Austrália anunciou hoje a suspensão das suas missões aéreas na Síria, na sequência das advertências feitas pela Rússia que se seguiram ao abate inédito de um avião militar sírio por um caça norte-americano.

Austrália suspende operações aéreas na síria após advertências russas
Notícias ao Minuto

08:39 - 20/06/17 por Lusa

Mundo Tensão

"Por medida de precaução, as operações das forças de defesa australianas na Síria cessaram temporariamente", anunciou um porta-voz do exército australiano em comunicado.

A Rússia advertiu na segunda-feira que os aviões da coligação internacional liderada pelos Estados Unidos que sobrevoem a margem oeste do rio Eufrates "serão monitorizados" e "considerados como alvos" pela defesa antiaérea e a aviação russas na Síria.

O alerta de Moscovo, que também decidiu suspender o canal de comunicação estabelecido com o Pentágono para impedir incidentes aéreos na Síria, surgiu depois de a coligação internacional ter confirmado que um caça norte-americano abateu, no domingo, um avião do exército sírio.

Foi a primeira vez que um aparelho do exército sírio foi abatido por um caça norte-americano.

No território sírio, a Rússia dispõe atualmente de sistemas de defesa antiaérea, estabelecidos nomeadamente na base aérea de Hmeimim, na região síria de Lataki, bem como de dezenas de caças e de bombardeiros que estão destacados desde finais de setembro de 2016 em apoio ao exército do Presidente sírio, Bashar al-Assad, um aliado tradicional de Moscovo.

Campo obrigatório