Meteorologia

  • 23 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Jovem muçulmana assaltada e assassinada em crime de ódio

Nabra Hassanen estava a sair de uma mesquita no Estado da Virgínia depois das orações quando foi atacada por Darwin Martinez Torres.

Jovem muçulmana assaltada e assassinada em crime de ódio
Notícias ao Minuto

10:49 - 19/06/17 por Notícias Ao Minuto

Mundo EUA

Uma jovem muçulmana de 17 anos foi assaltada e assassinada no passado domingo, na cidade de Reston, no Estado da Virgínia, nos Estados Unidos. Segundo o Washington Post, que cita as autoridades, pode estar em causa um crime de ódio.

Nabra Hassanen estava a sair de uma mesquita depois das orações que se prolongaram durante a noite. Foi então atacada por Darwin Martinez Torres, de 22 anos, que acabou por assassiná-la. O homem foi detido e está acusado de homicídio.

O caso está a chocar a comunidade local, que teme que os ataques de ódio a muçulmanos se intensifiquem. “Eu penso que [o ataque] está relacionado com a forma como ela se vestia e pelo facto de ela ser muçulmana. Por que mataria uma criança? O que fez a minha filha para merecer isto?”, afirmou Sawsan Gazzar, mãe de Nabra, ao Washington Post.

Várias testemunhas no local relataram ao mesmo jornal norte-americano o medo que sentiram. “As pessoas estão petrificadas, especialmente quem tem filhas muçulmanas”, afirmou Arsalan Iftilkhar, um advogado que se encontrava na mesquita que Nabra Hassanen.

Saliente-se que na última noite, uma carrinha atropelou várias pessoas perto da mesquita de Finsbury Park, em Londres, momentos depois de terminadas as orações. Pelo menos uma pessoa morreu e dez ficaram feridas.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório