Meteorologia

  • 24 JUNHO 2021
Tempo
30º
MIN 15º MÁX 32º

Edição

Atacante de Londres já fora investigado pelo MI5. Agora sabe-se porquê

Britânico de 52 anos nunca fora detido por associação terrorista, mas havia feito parte de um grupo que planeou fazer explodir uma base militar.

Atacante de Londres já fora investigado pelo MI5. Agora sabe-se porquê
Notícias ao Minuto

12:00 - 27/03/17 por Carolina Rico 

Mundo Khalid Masood

Khalid Masood foi o autor do ataque que na passada semana tirou a vida a quatro pessoas na ponte Westminster, em Londres.

Antes deste atentado, entretanto reivindicado pelo auto-proclamado Estado Islâmico, Khalid já fora investigado pelo MI5, os serviçossecreto britânicos. O jornal The Telegraph revela agora os motivos dessa investigação.

Há seis anos, Adrian Ajao (adotou o nome Khalid Masood depois de se converter ao islamismo) fez parte de uma conspiração para fazer explodir uma base militar no Reino Unido com recurso a um carro comandado remotamente.

Foi na altura associado grupos extremistas com inspiração na Al-Qaeda, mas o MI5 não o considerou uma figura de risco.

Pelo plano de ataque à base militar, Zahid Iqbal, Mohammed Sharfaraz Ahmed, Syed Hussain e Umar Arshad foram detidos e condenados em conjunto a um total de 44 anos de prisão.

Khalid Masood esteve detido, sim, mas não nessa ocasião e nunca por associação terrorista. A primeira condenação aconteceu em novembro de 1983 e a última, aconteceu em dezembro de 2003, por posse de armas proibidas e ofensas à ordem pública.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório