Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2019
Tempo
21º
MIN 14º MÁX 25º

Edição

Votou em Trump por concordar com deportações. Agora marido está preso

Mexicano está detido e poderá ser deportado por causa de uma lei do presidente em que a mulher votou.

Votou em Trump por concordar com deportações. Agora marido está preso

Roberto Beristain foi detido quando se dirigiu ao Serviço de Polícia da Imigração e Controlo Aduaneiro (ICE, na sigla em inglês) para renovar o seu visto, no passado dia 6 de fevereiro. O mexicano está sob custódia policial desde essa altura, de acordo com o New York Daily News.

O homem de 43 anos, residente em Indiana, já tinha sido detido no ano 2000, quando chegou aos Estados Unidos, mas ignorou a ordem de deportação que lhe tinha sido dada na altura porque não queria deixar a mulher.

A família está desde então a tentar conseguir o ‘green card’ para o patriarca. A filha confessou, em entrevista ao mesmo jornal, que a mãe votara em Donald Trump porque “concordava com a sua postura mais rígida em relação à deportação de imigrantes ilegais que tivessem cometido crimes”.

Infelizmente, a lei acabou por ser também aplicada a um membro da sua família. Foi criada uma petição para ajudar Roberto a regressar à sua família.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório