Sobreviveu a 915 moedas no estômago, mas agora tartaruga não resistiu

O animal morreu a semana passada na Tailândia.

Mundo Tailândia

Sobreviveu a 915 moedas no estômago, mas agora tartaruga não resistiu © Reuters

Sobreviveu a 915 moedas no estômago, mas agora tartaruga não resistiu © Reuters

Sobreviveu a 915 moedas no estômago, mas agora tartaruga não resistiu © Reuters

Sobreviveu a 915 moedas no estômago, mas agora tartaruga não resistiu © Reuters

1 / 4
Sobreviveu a 915 moedas no estômago, mas agora tartaruga não resistiu

Sobreviveu a 915 moedas no estômago, mas agora tartaruga não resistiu © Reuters

1 / 4
© Reuters

‘Piggy Bank’, a tartaruga com 25 anos que foi submetida a uma cirurgia para os veterinários lhe retirarem 915 moedas do estômago, morreu.

PUB

Apesar de inicialmente os veterinários pensarem que estava a recuperar bem da longa operação, Piggy sofreu uma alteração no seu estado de saúde, devido a problemas intestinais causados pelas moedas que ficaram alojadas no seu corpo.

A tartaruga, que vivia no centro de conservação de Chonburi, foi levada de emergência para os cuidados intensivos no domingo passado. Depois de entrar em coma, os veterinários operaram-na segunda-feira.

De acordo com os médicos, o espaço deixado no estômago de Piggy quando foram removidas as moedas, fez com que o seu intestino estrangulasse, o que bloqueou o seu fluxo de sangue. Tudo começou como uma infeção aguda no intestino, mas rapidamente se alastrou para uma infeção no sangue.

A tartaruga viveu durante duas décadas num pequeno lago na cidade de Sri Racha, no leste da Tailândia. Quem ali passava, atirava-lhe moedas como esperança de alcançar sucesso ou longevidade e esta foi-se alimentado dos pequenos objetos.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser