Polícia avança com greve caso governo não satisfaça reivindicações

Os agentes da Polícia Nacional (PN) de Cabo Verde vão realizar uma greve de três dias no final do mês, seguida de uma manifestação, caso o Governo não satisfaça as suas reivindicações, anunciou hoje fonte sindical.

© DR
Mundo Cabo Verde

O anúncio foi feito à imprensa, na cidade da Praia, pelo presidente do Sindicato Nacional da Polícia (SINAPOL), José Manuel Barbosa, indicando que a paralisação foi marcada para os dias 30 e 31 de março e 01 de abril próximo.

PUB

O sindicalista indicou que em causa estão reivindicações relacionadas com o aumento do salário, promoções, progressões e reclassificações, redução da carga horária, regulamento de trabalho e as promessas ainda não cumpridas pelo atual Governo.

"A diplomacia está a falhar por parte do Governo que não está a cumprir com as suas promessas e que nos dotou de silêncio, sem qualquer comunicação apesar das audiências que temos vindo a solicitar", lamentou José Manuel Barbosa, citado pela Inforpress.

Depois da greve, e caso as reivindicações não sejam satisfeitas, o presidente da SINAPOL disse que a polícia cabo-verdiana promete fazer uma manifestação nacional.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser