Presidente do parlamento angolano diz que pode aprender com Moçambique

O presidente da Assembleia Nacional de Angola, Fernando da Piedade dos Santos, afirmou hoje que Moçambique pode ser um exemplo para Angola pela forma como está a gerir a crise económica e financeira que atravessa.

© DR
Mundo Crise

"Podemos ser herdeiros da experiência de Moçambique na forma como está a atravessar esta situação da crise financeira", afirmou Santos, em declarações aos jornalistas, após se encontrar com o Presidente moçambicano, Filipe Nyusi.

PUB

Falando no âmbito da sua visita de trabalho a Moçambique, que terminou hoje, o presidente da Assembleia Nacional de Angola disse que Moçambique tem dado passos seguros na diversificação da sua economia, apostando na agricultura, enquanto explora os recursos naturais.

"Moçambique está a dar passos bastante seguros a nível da agricultura e a nível dos recursos minerais, isso encoraja-nos a perseguir o nosso programa de diversificação da economia, aprendemos todos uns com os outros e hoje aprendemos mais", acrescentou Fernando Piedade dos Santos.

Santos adiantou que deu a conhecer a Filipe Nyusi o estádio de preparação das eleições gerais angolas aprazadas para o próximo ano.

Moçambique terá este ano o crescimento económico mais baixo da última década, com um Produtor Interno Bruto inferior a 5%, devido à queda das receitas das matérias-primas no mercado internacional, acentuada desvalorização da moeda nacional, o metical e subida galopante da inflação.

A crise económica e financeira de Moçambique também tem como causa as calamidades naturais e a violência militar que opõe as Forças de Defesa e Segurança e o braço armado da Renamo (Resistência Nacional Moçambicana).

No quadro da sua visita a Moçambique, Fernando da Piedade dos Santos encontrou-se com a presidente da Assembleia da República de Moçambique, Verónica Macamo, com que conversou sobre a possibilidade de estreitamento da cooperação entre os parlamentos dos dois países.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS