Era somali e usou faca talhante. Eis o jovem por trás do ataque em Ohio

O suspeito já morto usou um carro e começou a atacar várias pessoas no campus da universidade de Ohio.

© Reuters
Mundo EUA

Apesar de inicialmente ter sido avançado que um homem tinha entrado no campus da universidade de Ohio, Estados Unidos, e tinha começado a disparar vários tiros, as autoridades divulgaram agora uma nova versão do que aconteceu esta segunda-feira nos Estados Unidos.

PUB

Por trás do ataque esteve Alan Horujko, um jovem somali, que diz a Fox News ter 18 anos, e que com um carro entrou no campus. O condutor começou então a atacar um grupo de pessoas com uma faca talhante, deixando nove pessoas feridas, uma delas está em estado crítico.

Momentos depois foi baleado por um agente da polícia do campus.

O atacante “era um residente legal”, confirmou fonte policial a cargo da investigação, mas o motivo que o levou a perpetrar o ataque ainda não é conhecido.

De acordo com a BBC o suspeito terá deixado a Somalia com a sua família em 2007 e, antes de se mudar para os Estados Unidos há dois anos, ainda esteve a viver no Paquistão. Artan era um estudante no campus de Columbus.

Segundo Ohio Craig, chefe da polícia de Ohio, o jovem terá feito o ataque "de propósito”. Por essas razões, as autoridades ainda não excluíram a hipótese de se tratar de um ataque terrorista.

Tudo começou cerca das 10h locais, com a universidade a emitir um alerta através do Twitter e a polícia do campus a pedir a todos os presentes que procurassem um abrigo. Esta universidade, fundada em 1870, é a terceira maior nos Estados Unidos, com mais de 40 mil estudantes.

[Notícia atualizada às 19h54]

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS