Meteorologia

  • 21 AGOSTO 2019
Tempo
29º
MIN 27º MÁX 30º

Edição

China quer limitar programas televisivos com formatos importados

As autoridades chinesas, que já censuraram numerosos programas e séries de televisão estrangeiras, vão passar a exigir uma aprovação oficial às produções domésticas com formatos importados do exterior.

China quer limitar programas televisivos com formatos importados
Notícias ao Minuto

07:50 - 20/06/16 por Lusa

Mundo Censura

Segundo a nova diretiva da Administração Estatal de Imprensa, Publicações, Rádio, Cinema e Televisão, todos os canais de televisão devem submeter aqueles programas com dois meses de antecedência para aprovação.

A medida, que entrará em vigor no dia 1 de julho, tenta travar a tendência crescente das televisões locais, incluindo as oficiais, de ocupar boa parte da programação com produções em formatos importados, sobretudo no segmento 'reality show'.

"A voz da China", conceito importado de uma produtora holandesa, ou o "Running Man", originalmente da Coreia do Sul, são dois exemplos de programas deste género que conquistaram grande audiência nos últimos anos.

As autoridades chinesas creem, no entanto, que esta tendência está a prejudicar o setor nacional de produção, enquanto procuram programas com mais "características culturais chinesas".

"A dependência de formatos importados retira o incentivo aos produtores domésticos", refere a diretriz, explicando que "as audiências desejam assistir a mais programas originais chineses que sejam divertidos e promovam gostos saudáveis".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório