Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2020
Tempo
11º
MIN 9º MÁX 16º

Edição

Bruxelas: Ministério Público acusa mais dois suspeitos de terrorismo

O Ministério Público belga anunciou hoje que deduziu acusação contra duas novas pessoas no âmbito da investigação dos atentados terroristas de 22 de março, em Bruxelas.

Bruxelas: Ministério Público acusa mais dois suspeitos de terrorismo
Notícias ao Minuto

08:51 - 12/04/16 por Lusa

Mundo Bélgica

Os dois homens são acusados de "participação em atividades de um grupo terrorista, assassínios terroristas e tentativas de assassínios terroristas, como autor, coautor ou cúmplice", suspeitos de terem ligação com uma célula jihadista de Bruxelas.

Samïl F., nascido em 1984, e Ibrahim F., em 1988, "estarão ligados ao aluguer do apartamento da 'rue des Casernes', em Etterbeek", uma comuna de Bruxelas, explicou o Ministério Público.

O apartamento alugado, que servia de esconderijo aos elementos de uma célula terrorista, foi alvo de buscas no sábado no âmbito de uma operação de grande envergadura e na presença massiva de forças de segurança.

O resultado da operação revelou-se, no entanto, "negativo", segundo uma comunicação anterior do Ministério Público belga.

De acordo com a televisão belga RTBF, o esconderijo serviu, no dia 22 de março, de ponto de partida para as atividades de Khalid El Bakraoui, o bombista-suicida da estação de metro de Maelbeek, acompanhado por Osama Krayem, que foi detido e acusado no fim de semana pelo Ministério Público belga.

"A investigação prossegue ativamente, dia e noite", sublinhou o Ministério Público belga.

Os atentados de Bruxelas fizeram mais de 30 mortos e cerca de 300 feridos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório