Meteorologia

  • 22 JANEIRO 2020
Tempo
12º
MIN 7º MÁX 13º

Edição

Crise não se deve aos "vilões alemães", diz governo italiano

A crise na Grécia não se deve aos "vilões alemães" mais sim aos dirigentes gregos dos últimos 15 ou 20 anos, estimou hoje o ministro dos Negócios Estrangeiros italiano, Paolo Gentiloni.

Crise não se deve aos "vilões alemães", diz governo italiano
Notícias ao Minuto

09:30 - 07/07/15 por Lusa

Mundo Grécia

"Sabemos bem que a Grécia está fora dos parâmetros, mas não é culpa dos vilões alemães, e sim responsabilidade dos governos gregos que se têm sucedido em Atenas nos últimos 15-20 anos", afirmou, numa entrevista hoje publicada no jornal Corriere della Sera.

Gentiloni considera que o referendo de domingo foi pouco útil: "A situação não se resolve com uma vitória do 'não' no referendo grego. O voto determinou que [Alexis] Tsipras tem o apoio da maioria dos gregos. Mas isso não é uma solução".

O chefe da diplomacia italiana insistiu na importância de manter a Grécia na família europeia, rejeitando argumentos "contabilísticos" para a sua saída da zona euro.

"Não há apenas motivos culturais, sentimentais, históricos, há também fortes argumentos geopolíticos", sublinhou.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório