Meteorologia

  • 04 DEZEMBRO 2021
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 17º

Edição

Erros que todos cometemos na 'hora do banho'

Os comportamento que costuma ter na hora do banho podem estar a prejudicar a saúde da sua pele e do seu cabelo. Conheça alguns erros que pode estar a cometer, aglomerados pelo Huffington Post.

Erros que todos cometemos na 'hora do banho'

O Huffington Post revela hoje um conjunto de erros que todos cometemos na hora do banho. São hábitos banais no nosso quotidiano, mas que podem estar a prejudicar a saúde da pele e cabelo.

Refastelar-se em água quase a ferver. A água quente relaxa, é verdade, mas também faz outras coisas: remove os óleos naturais da pele, deixando-a seca, e aumenta a circulação sanguínea no orgão, podendo gerar inflamações e eczemas. O ideal é água tépida.

Ficar meia hora debaixo do chuveiro. Os especialistas dizem que mais do que dez minutos já é demais, se quer o bem da sua pele.

Usar gel de banho antibacteriano. Os ingredientes deste tipo de produtos tiram da pele os seus óleos naturais. Quanto mais idade tiver, piores são os efeitos destes sabões líquidos, uma vez que a sua pele vai ficando cada vez mais seca.

Ensaboar o corpo todo. Os especialistas dizem que as zonas onde se deve colocar sabão são apenas aquelas onde existe odor, portanto, esqueça as pernas e os braços.

Demorar muito para colocar hidratante após o banho. Quando sai do banho, retire o excesso de água da pele e passe logo o hidratante. Não se esqueça que a pele seca é mais propícia a bactérias e alergias.

Não substituir a esponja de banho. As esponjas ganham bactérias e bolor com muita facilidade, após quatro semanas devem ser substituídas. E depois de usadas, é necessário tirá-las do chuveiro e deixá-las secar, pois a humidade encoraja o crescimento de fungos e bactérias.

Comprar produtos naturais. Se está preocupado com o ambiente, tudo bem. Mas saiba que os produtos orgânicos são tão nocivos para a pele como outro qualquer. E devem reger-se pelas mesma regras.

Lavar o cabelo com champô todos os dias. Lavar o cabelo todos os dias é um ‘crime’ e lavá-lo dia sim, dia não também não é aconselhado. Para quem tem o couro cabeludo mais sensível, por exemplo, duas vezes por semana é o suficiente. Os cabelos encaracolados demoram mais tempo a secar até à raiz, portanto a aplicação de shampô deve ser reduzida a uma vez por semana. A alternativa para quem tem cabelos oleosos: comprar shampô seco ou lavar apenas com condicionador e pentear.

Usar sempre o mesmo champô. O cabelo fica cada vez mais delicado à medida que se envelhece, portanto o seu shampô deve adequar-se. Preocupe-se em comprar um que se adeque às necessidades do seu couro cabeludo e esqueça os produtos com sulfatos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório