Meteorologia

  • 29 MARçO 2020
Tempo
16º
MIN 9º MÁX 19º

Edição

Pequim quer máquinas de preservativos nas universidades

O município de Pequim quer instalar máquinas de vender preservativos nas universidades da cidade ainda este ano para tentar "reduzir o risco de propagação" da sida entre os estudantes, anunciou hoje a imprensa oficial.

Pequim quer máquinas de preservativos nas universidades
Notícias ao Minuto

10:45 - 09/04/15 por Lusa

Mundo Sida

"Já entramos em contacto com a comissão municipal de Educação e é virtualmente certo que chegaremos a um consenso sobre esta questão", disse Xie Hui, diretor do departamento de controlo e prevenção de doenças da Comissão Municipal de Saúde e Planeamento Familiar.

O número de chineses dos 15 aos 24 anos contaminados com o vírus da sida quase duplicou entre 2008 e 2012 e na maioria dos casos, a infeção transmitiu-se através de relações homossexuais, indiciam estatísticas oficiais.

Em Pequim, nos primeiros dez meses do ano passado, registaram-se 2.932 novos casos de sida, mais 21,3% do que em igual período de 2013, entre os quais mais de cem estudantes.

No total, os casos de sida na capital chinesa atingiram 18.635 em outubro passado.

"A infeção entre os jovens, incluindo estudantes universitários, aumentou nos últimos anos. As autoridades precisam de melhorar a informação e educação acerca da sida", disse um médico chinês citado pelo China Daily.

Pequim ter cerca de um milhão de estudantes universitários, espalhados por mais de 70 instituições, correspondendo a 1% da população do município.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório