Meteorologia

  • 12 JULHO 2024
Tempo
23º
MIN 16º MÁX 27º

"Futuro promissor". Recebe implante cerebral para controlar epilepsia

Oran Knowlson, de 13 anos e natural do Reino Unido, está mais feliz, conversador e com mais qualidade de vida desde que foi submetido à intervenção.

"Futuro promissor". Recebe implante cerebral para controlar epilepsia
Notícias ao Minuto

16:14 - 24/06/24 por Notícias ao Minuto

Mundo Epilepsia

Um menino de 13 anos, natural do Reino Unido, tornou-se a primeira pessoa no mundo a receber um implante cerebral para controlar as convulsões impulsionadas por uma epilepsia grave. Oran Knowlson está mais feliz, conversador e com mais qualidade de vida desde que foi submetido à intervenção. "O futuro parece promissor, eu não imaginaria", afirmou a mãe do jovem. 

Oran, que podia sofrer centenas de convulsões por dia, foi submetido a uma cirurgia, em outubro passado, para colocar um neuroestimulador sob o crânio. A função do neuroestimulador é enviar sinais elétricos ao cérebro, de forma a reduzir as convulsões em 80%, segundo o The Guardian. 

O  neurocirurgião pediátrico Martin Tisdall, que liderou a equipa que realizou o procedimento, disse que a "epilepsia mudou completamente as vidas" do menino e da sua família. "Vê-lo a andar a cavalo e a recuperar a sua independência é absolutamente surpreendente. Não poderíamos estar mais felizes", afirmou o médico.

Antes da cirurgia o rapaz sofria diariamente com as convulsões. Muitas vezes, Oran perdia a consciência e parava de respirar, chegando mesmo a ter que ser reanimado. Assim, o menino precisava de cuidados 24 horas por dia já que havia o risco de morte súbita. 

A mãe de Oran, Justine, confessou que a família vê "uma grande melhoria" desde a operação e que "as convulsões diminuíram e são menos graves". 

Leia Também: Jovem que sobreviveu a cirurgia pioneira aos 7 anos morreu 15 anos depois

Recomendados para si

;
Campo obrigatório