Meteorologia

  • 14 JULHO 2024
Tempo
26º
MIN 15º MÁX 26º

Pelo menos 35 mortos após consumo de bebida álcoólica adulterada na Índia

Pelo menos 35 pessoas morreram e 110 foram hospitalizadas, depois de consumirem bebidas alcoólicas adulteradas no estado de Tamil Nadu, no sul da Índia, declarou hoje fonte policial.

Pelo menos 35 mortos após consumo de bebida álcoólica adulterada na Índia
Notícias ao Minuto

07:41 - 20/06/24 por Lusa

Mundo Índia

As autoridades iniciaram uma investigação para descobrir a origem do álcool contaminado com metanol, referiu a inspetora da polícia da região de Kallakurichi, que confirmou as mortes à agência de notícias EFE.

O chefe do governo de Tamil Nadu, MK Stalin, disse nas redes sociais estar escandalizado e referiu que suspendeu alguns dos principais funcionários da polícia e da administração da região.

"As pessoas envolvidas no crime foram detidas e foram também tomadas medidas contra os agentes que não conseguiram evitá-lo", declarou Stalin.

As forças de segurança detiveram um homem de 49 anos que estava na posse de cerca de 200 litros de álcool adulterado, de acordo com o jornal diário Hindustan Times.

Dezenas de pessoas consumiram na terça-feira a bebida, que era vendida em embalagens de plástico, algo comum para bebidas alcoólicas mais baratas na Índia.

Nessa noite, muitas delas sentiram sintomas como diarreia, vómitos e visão turva, o que chamou a atenção das autoridades.

O consumo de álcool ilegal e adulterado na Índia tende a ocorrer nas zonas rurais ou áreas mais desfavorecidas das cidades devido ao baixo preço, uma vez que o álcool vendido legalmente na Índia atinge preços comparativamente elevados.

Embora não em Tamil Nadu, as bebidas alcoólicas são ilegais em vários estados do país, como Bihar (norte) ou Gujarat (oeste).

Em 2019, pelo menos 155 pessoas morreram numa plantação de chá no estado de Assam (nordeste), ao consumirem álcool adulterado, enquanto em 2011, mais de 130 pessoas morreram por beberem álcool ilegal comprado junto a uma estação ferroviária no estado de Bengala, no nordeste do país.

Leia Também: Substâncias sintéticas mais potentes e novas drogas preocupam Europa

Recomendados para si

;
Campo obrigatório