Meteorologia

  • 16 JULHO 2024
Tempo
20º
MIN 17º MÁX 26º

Morto à facada no Brasil após defender casal vítima de homofobia

Aconteceu no passado domingo. Há dois detidos, entre os quais um adolescente.

Morto à facada no Brasil após defender casal vítima de homofobia
Notícias ao Minuto

11:24 - 18/06/24 por Notícias ao Minuto

Mundo Brasil

Um homem de 40 anos foi esfaqueado até à morte dentro de um autocarro da rede pública de transportes em Curitiba, no Brasil, após intervir para defender um casal que estava a ser vítima de homofobia, no passado domingo, revelou a Polícia Militar do Paraná, segundo o site G1.

Por sua vez, os suspeitos são um homem de 41 anos e o sobrinho, de 17. Ambos chegaram a fugir do local do crime, mas pouco depois foram localizados e detidos.

O menor tinha consigo uma faca, com uma lâmina de 20 centímetros e vestígios de sangue. Testemunhas relataram ainda que o tio segurou a vítima para que o sobrinho adolescente a esfaqueasse, em frente aos restantes passageiros.

A Revista Forum identifica a vítima como sendo Oziel Branques dos Santos, morava em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, e era trabalhador independente.

Tudo terá começado quando os suspeitos insultaram e ameaçaram um casal homossexual. Ao presenciar o ataque, Oziel interveio e acabou assassinado. As autoridades investigam agora o crime bárbaro.

Leia Também: Homem com picareta junto a fanzone acusado de tentativa de homicídio

Recomendados para si

;
Campo obrigatório