Meteorologia

  • 23 JULHO 2024
Tempo
23º
MIN 23º MÁX 37º

China. Li Qiang diz que relações com Austrália estão "no bom caminho"

As relações entre a China e a Austrália estão "no bom caminho", afirmou hoje, em Camberra, o primeiro-ministro chinês, durante uma visita centrada na redução das divergências económicas entre os dois países.

China. Li Qiang diz que relações com Austrália estão "no bom caminho"
Notícias ao Minuto

06:27 - 17/06/24 por Lusa

Mundo China/Austrália

Li Qiang, o mais alto membro das autoridades chinesas a visitar a Austrália desde 2017, reuniu-se com o homólogo australiano, Anthony Albanese, depois de uma cerimónia de boas-vindas no parlamento do país oceânico.

"Em menos de um ano, Albanese e eu encontrámo-nos várias vezes e visitámos os países um do outro", disse Li, no final do encontro.

"Isto demonstra que os nossos países atribuem grande importância às nossas relações e que estas estão no bom caminho, o da melhoria e do desenvolvimento constantes", sublinhou o dirigente chinês.

A visita de Li segue-se ao levantamento, por Pequim, da maior parte das barreiras comerciais às exportações australianas, nomeadamente de carvão, madeira, cevada e vinho.

A China e a Austrália têm estado em desacordo nos últimos anos, particularmente depois de um pedido australiano, em 2020, para a realização de um inquérito sobre a origem da pandemia da covid-19, que Pequim considerou ser político, e da decisão de Camberra de excluir o fabricante de equipamentos Huawei da rede 5G.

Depois disso, a China aumentou os impostos sobre uma série de produtos australianos.

A maior parte das taxas foi levantada à medida que as relações entre Pequim e Camberra foram melhorando, desde que os trabalhistas chegaram ao poder em 2022.

Apesar da melhoria, a Austrália está preocupada com os esforços da China para aumentar a influência, nomeadamente militar, no Pacífico Sul.

Li Qiang afirmou que teve com Albanese uma "troca franca de pontos de vista sobre certas diferenças e desacordos".

O primeiro-ministro australiano já tinha sublinhado a importância de um "diálogo franco".

Leia Também: Li Qiang promete mais pandas e pede "terreno comum" à Austrália

Recomendados para si

;
Campo obrigatório