Meteorologia

  • 22 JUNHO 2024
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 27º

Segurança mata jovem após confundir arma de airsoft com arma de fogo

O jovem, que estava com outras duas pessoas, segurava uma arma de airsoft. Os adolescentes que seguiam com a vítima adiantaram às autoridades que estavam no local para devolver ou trocar a arma, porque tinha defeito.

Segurança mata jovem após confundir arma de airsoft com arma de fogo
Notícias ao Minuto

22:09 - 11/06/24 por Notícias ao Minuto

Mundo EUA

Um segurança fora de serviço baleou fatalmente um adolescente que alegadamente pensou que estaria prestes a assaltar uma loja de artigos desportivos, em Seattle, no estado norte-americano de Washington, na passada quarta-feira.

Aaron Brown Myers, de 51 anos, disse às autoridades que pensava que a vítima, de 17 anos, estava armada e ia assaltar a loja Big 5 Sporting Goods.

O segurança, que tinha acabado de sair do trabalho e aguardava no seu veículo enquanto o filho estava numa aula de artes marciais ali perto, complementou ter sentido que “tinha o dever de agir para impedir que os indivíduos magoassem alguém inocente e para proteger o filho”.

Contudo, o jovem, que estava com outras duas pessoas, segurava uma arma de airsoft, noticiou a ABC News. Os adolescentes que seguiam com a vítima adiantaram às autoridades que estavam no local para devolver ou trocar a arma, porque tinha defeito.

Armado com uma pistola semiautomática registada, Myers confessou ter abordado os adolescentes e pedido para que colocarem as mãos no ar. Como o trio não obedeceu, o segurança disparou vários tiros contra a vítima, alegadamente porque pensava que o jovem estava a tentar tirar uma arma da cintura das calças para o matar.

O adolescente foi declarado morto no local, enquanto o homem foi detido.

As imagens das câmaras de vigilância da área contradisseram o depoimento do homem. É que, de acordo com a ABC News, o segurança aproximou-se rapidamente do trio, tendo forçado um dos jovens a deitar-se no chão, onde se colocou em cima dele. Depois, apontou a arma em direção a outro adolescente, que tinha as mãos no ar. Foi quando o jovem baixou uma das mãos à altura da cintura que Myers disparou várias vezes.

O homem foi, assim, acusado de homicídio e de agressão em segundo grau.

Leia Também: Quatro pessoas, incluindo possível suspeito, baleadas em Atlanta

Recomendados para si

;
Campo obrigatório