Meteorologia

  • 15 JUNHO 2024
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 22º

Porta-voz de Guterres nega que exista "alguma tensão" entre ONU e EUA

O porta-voz do secretário-geral da ONU negou hoje a existência de "alguma tensão" entre o organismo internacional e o governo dos Estados Unidos, apesar de Guterres ser um dos poucos secretários-gerais que não se reuniu com o presidente norte-americano.

Porta-voz de Guterres nega que exista "alguma tensão" entre ONU e EUA
Notícias ao Minuto

19:51 - 10/06/24 por Lusa

Mundo ONU

O porta-voz Stéphane Dujarric minimizou hoje o facto do secretário-geral da ONU, António Guterres, se ter deslocado a Washington na semana passada e não se ter encontrado com o presidente Joe Biden, sublinhando a existência de um ambiente "excecionalmente produtivo e caloroso" da reunião entre Guterres e o secretário de Estado Antony Blinken.

Dujarric, que esteve presente na reunião, afirmou que não existiu "nenhum sinal de tensão nas relações entre a ONU e os Estados Unidos" e que "se for convidado, Guterres irá com muito gosto à Casa Branca".

Guterres e Biden nunca se encontraram para uma reunião oficial, apesar de o secretário-geral da ONU ter visitado várias vezes a capital norte-americana e Biden se ter deslocado a Nova Iorque.

Guterres reuniu-se com o anterior presidente, Donald Trump, em maio de 2018, apesar das tensões públicas entre ambos, sobretudo depois das decisões do norte-americano de se retirar de organismos como o Conselho de Direitos Humanos da UNESCO, congelar a atribuição de fundos à Organização Mundial de Saúde (OMS) ou a saída do acordo sobre o clima de Paris.

No entanto, a melhoria de relações entre a ONU e a administração Biden - que reverteu grande parte das decisões do seu antecessor relativamente à ONU - ainda não se traduziu numa reunião entre ambos.

Ainda que Guterres nunca se tenha referido publicamente a esta questão, nem Biden, o político português passa por ser um dos secretários-gerais da ONU "mais políticos" dos últimos tempos, com uma opinião própria sobre os conflitos no mundo que, em alguns ocasiões, confronta com a postura dos Estados Unidos, como aconteceu com a guerra em Gaza.

Leia Também: Conselho de Segurança da ONU vota hoje proposta de cessar-fogo dos EUA

Recomendados para si

;
Campo obrigatório