Meteorologia

  • 12 JUNHO 2024
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 23º

Biden e Harris reforçam campanha junto da comunidade negra

O presidente Joe Biden e a vice-presidente Kamala Harris estão a intensificar o discurso de reeleição junto dos eleitorado negro, avança hoje a agência de notícias Associated Press (AP).

Biden e Harris reforçam campanha junto da comunidade negra
Notícias ao Minuto

19:22 - 29/05/24 por Lusa

Mundo EUA

No estado da Pensilvânia, onde estão hoje, irão visitar o Girard College, um colégio interno independente na Filadélfia com um corpo discente predominantemente negro, assim como uma pequena empresa para falar com membros da Câmara Negra de Comércio.

As paragens em Filadélfia são o início de uma campanha que vai decorrer durante todo o verão para envolver organizações de estudantes negros, grupos comunitários e centros religiosos.

"Continuaremos a ser agressivos, inovadores e minuciosos no nosso trabalho para ganhar o apoio dos próprios eleitores que enviaram Joe Biden e Kamala Harris para a Casa Branca em 2020 e o farão novamente em 2024 ", disse Quentin Fulks, principal vice-diretor de campanha de Biden.

A iniciativa surge num momento em que Biden tem visto o seu sólido apoio entre os eleitores negros mostrar sinais de erosão, sublinha a AP.

Entre os adultos negros, a aprovação de Biden caiu de 94% no início do seu mandato para apenas 55%, de acordo com uma sondagem da Associated Press-NORC Center for Public Affairs Research publicada em março.

A economia tem sido um espinho no lado de Biden desde 2022, quando a inflação atingiu um máximo de 40 anos. Mas também houve sinais de descontentamento na comunidade negra mais recentemente sobre a forma como Biden lidou com a guerra de sete meses entre Israel e o Hamas.

A participação de eleitores negros pode ser fundamental para Biden nos estados mais disputados - Arizona, Geórgia, Michigan Nevada, Pensilvânia e Wisconsin.

"Já Trump tem-se apresentado como um presidente melhor para os eleitores negros do que Biden", afirma a AP, recordando um comício realizado na semana passada no Bronx, onde Trump atacou Biden em matéria de imigração.

No Bronx, o ex-presidente afirmou que "o maior impacto negativo" do afluxo de imigrantes em Nova Iorque é "contra a nossa população negra e hispânica, que está a perder os seus empregos, a perder a sua habitação, a perder tudo o que pode perder".

Em resposta, a campanha de Biden espera conseguir lembrar os eleitores negros de algumas das medidas da administração democrata.

A taxa de desemprego entre a comunidade negra baixou -- é agora de 5,6% - e a riqueza das famílias aumentou.

Leia Também: EUA pedem plano para "dia seguinte" em Gaza após "horrível" ataque

Recomendados para si

;
Campo obrigatório