Meteorologia

  • 17 JUNHO 2024
Tempo
20º
MIN 15º MÁX 22º

"Dever de proteger". Padre morde fiel durante comunhão em missa nos EUA

Quando a polícia foi à igreja, o padre afirmou que mordeu a mulher para se proteger a si mesmo e à comunhão.

"Dever de proteger". Padre morde fiel durante comunhão em missa nos EUA
Notícias ao Minuto

15:54 - 25/05/24 por Notícias ao Minuto

Mundo Florida

Uma missa na Igreja de São Tomás de Aquino, em St. Cloud, Florida, Estados Unidos, foi palco de um momento insólito, no domingo passado. O padre, chamado Fidel Rodriguez... mordeu uma fiel que tentava receber a comunhão.

A mulher, cujo nome foi omitido do relatório policial, revelou às autoridades que Rodriguez já tinha recusado conceder-lhe a possibilidade de participar na comunhão numa missa anterior.

No entanto, naquele dia o padre não tomou essa decisão, mas optou por tentar enfiar a hóstia na sua boca, o que a levou a pegar na hóstia que o padre estava a segurar, para o tentar impedir. Naquele momento, o padre agarrou-a e mordeu-a no braço.

Quando a polícia foi à igreja, Rodriguez afirmou que mordeu a mulher para se proteger a si mesmo e à comunhão, tendo destacado ainda que a mulher tinha assistido a uma missa antes, mas que não tinha permitido que ela participasse na comunhão porque não parecia compreender os requisitos para participar no ritual.

As autoridades encaminharam um relatório aos procuradores a acusar o padre Fidel Rodriguez de agressão por contravenção, mas não foi apresentada nenhuma acusação formal e o padre não foi detido.

"Embora a Diocese de Orlando não tolere altercações físicas como esta, de boa fé, o Padre Rodriguez estava simplesmente a tentar evitar um ato de profanação da Sagrada Comunhão, que, como padre, o Padre Rodriguez tem o dever de proteger", afirmou a diocese, em comunicado.

Leia Também: População de Angeiras quer substituir padre por cancelar tradição de 82 anos

Recomendados para si

;
Campo obrigatório