Meteorologia

  • 22 MAIO 2024
Tempo
13º
MIN 13º MÁX 22º

Florida. Diretor de escola primária acusado de fazer mata-leão a criança

O homem, que se declarou inocente, disse ter confinado a criança para evitar que se magoasse, o que as autoridades não acreditam.

Florida. Diretor de escola primária acusado de fazer mata-leão a criança
Notícias ao Minuto

19:10 - 16/05/24 por Notícias ao Minuto

Mundo EUA

O diretor de uma escola primária da Florida, nos Estados Unidos, foi detido no sábado passado e acusado de ter mantido uma criança fechada numa sala durante 40 minutos. Além disso, terá feito um mata-leão ao menor, que alegadamente atingiu com um cabo de carregador.

Dontay Akeem Prophet, de 33 anos, atuava como diretor da Destiny Leadership Academy, em Ocala, tendo sido acusado de abuso infantil agravado e de ter mantido uma criança menor de 13 anos em cativeiro, disse o gabinete do xerife do condado de Marion, citado pela NBC News.

O homem foi demitido, segundo disse o estabelecimento de ensino privado àquele meio.

Prophet, que se declarou inocente, disse ter confinado a criança para evitar que se magoasse, o que as autoridades não acreditam.

Segundo a porta-voz do gabinete do xerife, Valerie Strong, o homem “começou a tocar na criança e a empurrá-la, e foi aí que começou a abusar fisicamente da criança”.

Imagens de videovigilância comprovaram que o ex-diretor não deixou o menino sair da sala de aula por cerca de 40 minutos, tendo esbofeteado a criança, que colocou num mata-leão e atingiu com um cabo de um carregador.

O tribunal negou um pedido para manter o suspeito em prisão preventiva, na terça-feira, e a fiança foi fixada em 50 mil euros (cerca de 45.979,25 euros).

Leia Também: Dupla apanhada a roubar artefactos "arqueológicos" de parque dos EUA

Recomendados para si

;
Campo obrigatório