Meteorologia

  • 24 MAIO 2024
Tempo
22º
MIN 13º MÁX 25º

Primeiro-ministro da Eslováquia baleado. Atirador já foi detido

Robert Fico foi baleado em frente à Casa da Cultura em Handlova, onde o primeiro-ministro se encontrava com os seus apoiantes. O governante foi transportado para o hospital.

Primeiro-ministro da Eslováquia baleado. Atirador já foi detido
Notícias ao Minuto

14:12 - 15/05/24 por Notícias ao Minuto com Lusa

Mundo Eslováquia

O primeiro-ministro da Eslováquia, Robert Fico, foi esta quarta-feira baleado em Handlova, a cerca de 180 quilómetros da capital do país, avança a BBC. 

Robert Fico, de 59 anos, foi atingido no peito e no estômago e transportado de helicóptero para o hospital. Uma publicação feita na página oficial do Facebook de Robert Fico adianta que o primeiro-ministro "encontra-se atualmente em risco de vida", explicando que foi "baleado várias vezes". 

O ataque aconteceu em frente à Casa da Cultura local, onde o primeiro-ministro se encontrava com os seus apoiantes, depois de o governante ter saído para cumprimentar algumas pessoas. A polícia isolou o local.

Segundo relatos de vários jornalistas, que se encontravam no local, foram ouvidos vários tiros. A imprensa local noticia que se tratou de uma tentativa de assassinato.

Depois de ser alvejado, Fico foi levado por seguranças para uma viatura do governo. Três ministros foram retirados do local.

O atirador já foi detido pela polícia, conforme pode ver na imagem mais abaixo.

Notícias ao Minuto Imagem do atirador após ser detido pelas autoridades© Reuters  

O vice-presidente do Parlamento, Lubos Blaha, falava numa sessão do Parlamento quando se deu o ataque. O funcionamento do Parlamento está suspenso até ordem em contrário.

Já surgem reações ao sucedido. A presidente do país, Zuzana Čaputová, condenou já o ataque "brutal" ao primeiro-ministro, diz a Reuters.

O procurador-geral da Eslováquia, Maroš Žilinka, já condenou o ataque que considerou inaceitável. "É uma manifestação de ódio", afirmou Žilinka, que pediu ainda que o atirador fosse punido de forma intransigente e justa.

[Notícia atualizada às 15h45]

Leia Também: Polícia eslovaca abre inquérito após mais de mil ameaças de bomba

Recomendados para si

;
Campo obrigatório