Meteorologia

  • 27 MAIO 2024
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 22º

Timor-Leste inicia construção do palco que vai receber Papa em Tasi Tolu

O ministro da Administração Territorial timorense e o representante do Vaticano em Timor-Leste lançaram hoje a obra para a construção do palco onde o Papa vai celebrar a missa, em Tasi Tolu, durante a visita ao país, em setembro.

Timor-Leste inicia construção do palco que vai receber Papa em Tasi Tolu
Notícias ao Minuto

09:25 - 17/04/24 por Lusa

Mundo Timor-Leste

"O Papa sabe que Timor-Leste, o Governo e a igreja timorenses, estão a trabalhar tão bem, seriamente, alegremente e eficientemente para preparar a sua visita", afirmou o representante do Vaticano em Timor-Leste durante os discursos que antecederam o lançamento da obra.

Segundo Marco Sprizzi, o Papa, que visita Timor-Leste entre 09 e 11 de setembro, "agradece por tudo o que está a ser feito".

"Uma palavra também de elogio para a colaboração entre a Santa Sé, o Governo e a igreja local, que não é igual em todos os países do mundo. Em Timor-Leste há um máximo nível de colaboração", disse o representante do Vaticano.

O palco será todo em branco, terá uma pala e em frente uma praça.

Tasi Tolu, situado à saída de Díli, foi o local onde, em 1989, o Papa João Paulo II celebrou também a missa, quando visitou o país, ainda sob ocupação da Indonésia, e onde decorreu a cerimónia de restauração da independência, em 20 de maio de 2022.

O ministro da Administração Estatal timorense, Tomás Cabral, destacou que o mais importante para o Governo é a participação da população na missa com o Sumo Pontífice, salientando que tudo está a ser feito com o único objetivo que é a participação do povo timorense.

Presente na cerimónia esteve também o cardeal Virgílio do Carmo da Silva, da Arquidiocese de Díli, que destacou a importância da visita, agradeceu a cooperação do Governo, e pediu aos timorenses para se preparem espiritualmente para a deslocação do Papa.

O Vaticano anunciou na sexta-feira que Francisco realiza uma visita a Timor-Leste em 09, 10 e 11 de setembro.

A visita ocorre no âmbito de um périplo que o Papa vai fazer à região e incluiu também a Indonésia, que visita entre 03 e 06 de setembro, a Papua Nova Guiné, de 06 a 09, e Singapura, de 11 a 13 de setembro.

O Governo de Timor-Leste autorizou, em fevereiro, uma despesa de 12 milhões de dólares (10,9 milhões de euros) para organizar as atividades de preparação da visita.

Leia Também: Timor-Leste acelera para 3,5% este ano e abranda para 3% até 2029

Recomendados para si

;
Campo obrigatório