Meteorologia

  • 24 MAIO 2024
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 25º

Resgatados trabalhadores que recebiam pedras de crack como pagamento

Os homens foram localizados em alojamentos improvisados que tinham "condições desumanas e degradantes" e estavam sujeitos a uma alimentação e higiene precárias.

Resgatados trabalhadores que recebiam pedras de crack como pagamento
Notícias ao Minuto

18:01 - 16/04/24 por Notícias ao Minuto

Mundo Brasil

A Polícia Civil do Brasil resgatou, esta terça-feira, três homens que trabalhavam numa pedreira em Taquara, Porto Alegre, e que recebiam pedras de crack como forma de pagamento. Seis pessoas foram detidas durante a operação.

Segundo o G1, os trabalhadores foram localizados em alojamentos improvisados que tinham "condições desumanas e degradantes" e estavam sujeitos a uma alimentação e higiene precárias.

Um dos homens resgatados tem 31 anos e disse que o "seu sonho é dar-se bem na vida e dar uma vida melhor aos filhos", de 2,9 e 12 anos. O homem e os colegas chegavam a trabalhar 12 horas por dia.

O homem confirmou que não tinha contrato e que recebia 100 reais (17,88) por dia.

A polícia conseguiu deter seis pessoas, entre as quais o responsável elo recrutamento dos homens. O alegado recrutador negou que estivesse a explorar os seis homens, tendo garantido que lhes pagava 100 reais diariamente.

"A investigação aponta para tráfico de drogas e trabalho compatível ao de escravidão que tinha contrapartida mediante entrega de pedras de crack", referiu o delegado Valeriano Garcia Neto, responsável pela investigação. 

Leia Também: Brasil. Noiva morre afogada durante o casamento após cair em piscina

Recomendados para si

;
Campo obrigatório