Meteorologia

  • 17 ABRIL 2024
Tempo
26º
MIN 14º MÁX 28º

Taiwan. Sismo "mais forte em 25 anos" fez 9 mortos e mais de 800 feridos

Último balanço dos bombeiros dá conta que pelo menos nove pessoas morreram e mais de 800 ficaram feridas na sequência do sismo de magnitude 7,5 na escala de Richter.

Notícias ao Minuto

07:53 - 03/04/24 por Daniela Carrilho

Mundo Taiwan

Um sismo de magnitude 7,5 na escala de Richter abalou a costa de Taiwan, na madrugada desta quarta-feira, provocando até agora nove mortos e mais de 800 feridos. Este é o sismo "mais forte em 25 anos" na ilha.

Há ainda 50 pessoas desaparecidas, que estariam a caminho de um parque nacional, segundo a agência Reuters.

As primeiras indicações referiam que quatro mortes ocorreram na região de Hualien, perto do epicentro do terramoto no leste da ilha de Taiwan.

Três destas quatro vítimas morreram num trilho de caminhada e a quarta num túnel rodoviário. Ainda não se conhecem detalhes sobre as circunstâncias referentes às restantes três vítimas mortais.

Num primeiro momento as autoridades de Taiwan (República da China) referiam a existência de cerca de 60 feridos, mas o balanço provisório foi sendo atualizado, estando agora em mais de 800, sem especificar a gravidade dos ferimentos.

De acordo com o corpo de bombeiros, pelo menos 77 pessoas permanecem presas nos destroços de prédios que desabaram no condado oriental de Hualien, cidade com cerca de 100 mil habitantes, segundo avança a agência Reuters.

O  Centro Sismológico da China indicou que o sismo ocorreu pelas 09h00 (01h00 em Lisboa), com o epicentro situado perto de Hualien, a uma profundidade de 15,5 quilómetros. Foi depois seguido por uma réplica de magnitude 6,2 na escala de Richter.

Inicialmente, foram emitidos alertas de tsunami em Taiwan, Japão, Filipinas e pelo Centro de Alerta de Tsunamis do Pacífico, que já foram todos retirados.

O sismo causou danos materiais consideráveis, especialmente em Hualien, onde pelo menos dois edifícios residenciais desabaram parcialmente.

As autoridades de Taiwan disseram que 308.242 casas ficaram sem eletricidade, embora o fornecimento já tenha sido restabelecido em cerca de 70% das habitações.

O presidente da autarquia de Taipé, Chiang Wanan, declarou o nível dois do centro de resposta a desastres na capital de Taiwan e pediu aos cidadãos que tenham cuidado e estejam atentos a possíveis novas réplicas.

O sismo foi "o mais forte em 25 anos" na ilha, disse o diretor do Centro Sismológico de Taiwan, Wu Chien-fu. Em setembro de 1999, um abalo de magnitude 7,6 matou 2.400 pessoas em Taiwan.

"Foi muito forte. Parecia que a casa ia desabar", disse Chang Yu-lin, de 60 anos, que é funcionário de um hospital de Taipei.

Taiwan está localizada no chamado 'Anel de Fogo' do Pacífico, uma zona de intensa atividade sísmica e vulcânica que se estende do Japão ao Pacífico, através do sul da Ásia.

[Notícia atualizada às 10h23]

Leia Também: Pequim oferece apoio a Taiwan após sismo que causou pelo menos 4 mortos

Recomendados para si

;
Campo obrigatório