Meteorologia

  • 23 JUNHO 2024
Tempo
21º
MIN 17º MÁX 30º

Andrew Tate detido na Roménia após mandado de captura do Reino Unido

O irmão Tristan também foi detido. Ambos estão acusados por crimes de agressões sexuais, alegadamente ocorridos entre 2012 e 2015.

Andrew Tate detido na Roménia após mandado de captura do Reino Unido
Notícias ao Minuto

07:36 - 12/03/24 por Notícias ao Minuto

Mundo Roménia

O 'influencer' britânico Andrew Tate e o seu irmão Tristan foram detidos na Roménia por alegadas agressões sexuais, avança o canal de televisão Sky News.

Ambos foram detidos pelas autoridades britânicas, que cumpriram um mandado de detenção, na sequência de acusações que remontam aos anos de 2012 e 2015. Por agora, está a decorrer uma investigação ao caso.

Andrew e Tristan negam todas as acusações de que são alvo.

Sublinhe-se que o ex-pugilista foi acusado, em junho, por um tribunal romeno, de violação, tráfico humano e de pertencer a uma rede de crime organizado para explorar sexualmente mulheres.

Andrew e o irmão enganariam as vítimas fingindo terem sentimentos por elas. Depois, estas eram sequestradas e alegadamente forçadas, através de violência, a prostituírem-se e a participarem em filmes pornográficos.

O 'influencer', que acumulou 8,4 milhões de seguidores na rede social X (antigo Twitter), tem afirmado repetidamente que não há provas contra ele e que existe uma conspiração política para o silenciar.

Andrew Tate e o irmão foram detidos em dezembro de 2022. O 'influencer' foi libertado em março passado e colocado em prisão domiciliária. Em agosto, um tribunal de Bucareste, na Roménia, decidiu libertar o 'influencer' britânico.

Além dos dois irmãos, dois outros suspeitos, de nacionalidade romena, vão a julgamento, em data ainda a determinar.

Leia Também: Presidente de Moçambique defende mudanças na lei quando for necessário

Recomendados para si

;
Campo obrigatório