Meteorologia

  • 27 MAIO 2024
Tempo
21º
MIN 14º MÁX 22º

Comissária da polícia paga multa a homem que ficou sem emprego em Itália

Aconteceu em Florença, Itália. Condutor pediu para suspender a coima até ter dinheiro para a pagar ou para a converter em horas de trabalho.

Comissária da polícia paga multa a homem que ficou sem emprego em Itália
Notícias ao Minuto

15:13 - 05/03/24 por Notícias ao Minuto

Mundo Itália

Uma comissária da polícia municipal de Florença, em Itália, pagou do próprio bolso a multa a um homem que perdeu o emprego depois de a fábrica onde trabalhava ter fechado.

Conta a edição italiana do Today que o condutor, que no dia 6 de janeiro foi multado por circular numa faixa reservada a autocarros, escreveu uma carta ao presidente da Câmara de Florença e ao comandante da polícia municipal da cidade italiana a explicar a sua situação, pedindo que a coima, de 74,06 euros, fosse suspensa até que tivesse possibilidade de a pagar - ou que fosse convertida em horas ou dias de trabalho socialmente útil.

Consternada com a situação do homem, a comissária ligou-lhe a explicar que a lei não prevê a possibilidade de congelamento ou conversão da sanção, mas que lhe tinha pagado a multa por solidariedade para com ele, uma vez que tinha conhecimento que o encerramento da fábrica Gkn deixou centenas de trabalhadores no desemprego.

O homem agradeceu e comprometeu-se a reembolsar até ao último cêntimo "o empréstimo" feito "de amigo para amigo".

O encerramento da Gkn, a 9 de junho de 2021, gerou muita polémica em Itália. Até ao passado mês de dezembro, a segurança social italiana assegurou o ordenado aos trabalhadores, contudo, desde janeiro que estes não recebem qualquer apoio, uma vez consideram que estes funcionários não foram despedidos.

Leia Também: Dois cães bebés "abandonados" encontrados à beira da EN332 em Penamacor

Recomendados para si

;
Campo obrigatório