Meteorologia

  • 16 JUNHO 2024
Tempo
16º
MIN 16º MÁX 24º

Mulher perde filhos em ataque israelita após 10 anos a tentar engravidar

No ataque morreu também o marido de Abu Anza, bem como outros 11 familiares.

Mulher perde filhos em ataque israelita após 10 anos a tentar engravidar
Notícias ao Minuto

10:10 - 04/03/24 por Notícias ao Minuto

Mundo Faixa de Gaza

Uma mulher perdeu os dois filhos gémeos e o marido, no sábado, num ataque aéreo israelita em Rafah, no sul da Faixa de Gaza. O casal tinha tentado engravidar durante 10 anos. 

Abu Anza, de 29 anos, acordou cerca das 22h00 para amamentar o filho, Naeim. Depois voltou a dormir juntos do menino e da filha, Wissam. O marido estava a descansar ao lado da família. A explosão ocorreu cerca de meia hora depois e a casa da família acabou por desabar, de acordo com a ITV News. 

“Gritei pelos meus filhos e pelo meu marido. Estavam todos mortos. O pai deles agarrou-os e deixou-me para trás", disse Abu. 

A mulher tinha tentado engravidar durante 10 anos. O casal fez três fertilizações in vitro, tendo Abu engravidado no início do ano passado. Os bebés nasceram a 13 de outubro, menos de uma semana depois de o Hamas ter atacado Israel. 

“Não temos direitos, perdi as pessoas que me eram mais queridas.  Não quero morar aqui. Quero sair deste país. Estou cansada desta guerra", desabafou a mulher. 

No ataque morreram ainda outros 11 familiares de Abu Anza, dos quais seis eram crianças e quatro eram mulheres. Além dos filhos e do marido, Abu perdeu uma irmã, um sobrinho e uma prima que estava grávida. 

Um familiar de Abu, Farouq Abu Anza, revelou que viviam, naquele momento, na habitação 35 pessoas, algumas das quais tinham sido deslocadas de outras zonas de Gaza. 

Leia Também: Hezbollah lança cinco ataques a partir do Líbano contra alvos israelitas

Recomendados para si

;
Campo obrigatório