Meteorologia

  • 23 ABRIL 2024
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 24º

Tanques Abrams na Ucrânia vão "arder como os outros", diz Kremlin

Posição surge depois de governador russo de Kherson alegar que um dos tanques de fabrico norte-americano tinha sido destruído na sua primeira missão em território ucraniano.

Tanques Abrams na Ucrânia vão "arder como os outros", diz Kremlin
Notícias ao Minuto

18:49 - 26/02/24 por Notícias ao Minuto

Mundo Guerra na Ucrânia

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, afirmou, esta segunda-feira, que a Rússia vai destruir todos os tanques norte-americanos Abrams na Ucrânia, avança a agência estatal russa TASS. 

Esta posição foi partilhada por Peskov depois de ser questionado sobre um vídeo hoje divulgado, que mostrava um tanque Abrams em chamas, alegadamente destruído na sua primeira missão, segundo revelou o governador pró-russo da região de Kherson, Vladimir Saldo.

"Desde o início, os nossos combatentes disseram que estes tanques iriam arder como os outros. Em geral, como todos sabemos através dos relatórios diários do Ministério da Defesa, este é o trabalho diário, sistemático, profissional e altruísta dos nossos soldados", disse Peskov.

Recorde-se que os M1 Abrams são considerados tanques de última geração. Estes tanques de guerra de fabrico norte-americanos são altamente tecnológicos e foram enviados pelos EUA em apoio a Kyiv. 

A ofensiva militar russa no território ucraniano foi lançada em 24 de fevereiro de 2022 e mergulhou a Europa naquela que é considerada a crise de segurança mais grave desde a Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

Leia Também: "Do milhão de bombas que a União Europeia nos prometeu, não foram 50%"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório