Meteorologia

  • 14 ABRIL 2024
Tempo
20º
MIN 18º MÁX 29º

UE reitera apoio à luta dos bielorrussos pela liberdade

A União Europeia (UE) reiterou hoje o apoio ao povo da Bielorrússia na luta por um país democrático, livre e independente, expressando ainda preocupação com a deterioração da situação dos direitos humanos no país.

UE reitera apoio à luta dos bielorrussos pela liberdade
Notícias ao Minuto

15:03 - 19/02/24 por Lusa

Mundo Bielorrússia

Em comunicado, o Conselho da UE anunciou ter aprovado conclusões, na reunião dos chefes da diplomacia dos 27 Estados-membros do bloco europeu, "conclusões em que reafirma o seu inabalável apoio à luta do povo bielorrusso por uma Bielorrússia livre, democrática, soberana e independente, integrada numa Europa pacífica e próspera".

No texto, o Conselho da UE salientou ainda que o regime liderado pelo Presidente Alexander Lukashenko continua a violar os direitos humanos e mantém "um nível sem precedentes de repressão".

A posição do Conselho da UE surge em vésperas da Bielorrússia, um reconhecido aliado de Moscovo, realizar eleições legislativas e locais no próximo dia 25 de fevereiro (domingo).

Ainda no mesmo comunicado, a UE renovou a condenação do apoio de Minsk à guerra lançada pela Rússia contra a Ucrânia -- que completa dois anos no próximo sábado -- e dos ataques híbridos contra as fronteiras externas do bloco comunitário, associados a fluxos migratórios irregulares e maciços.

A Bielorrússia faz fronteira com três países da UE: Letónia, Lituânia e Polónia.

Leia Também: Bielorrússia acusa oposição de negociar anexação de parte da Rússia

Recomendados para si

;
Campo obrigatório