Meteorologia

  • 21 ABRIL 2024
Tempo
23º
MIN 15º MÁX 26º

Pelo menos 17 mil crianças estão afastadas das famílias na Faixa de Gaza

Pelo menos 17 mil crianças estão "desacompanhadas ou separadas" das suas famílias na Faixa de Gaza, onde a população se concentra em Rafah, no sul do território, uma verdadeira "fábrica de desespero", alertou hoje a ONU.

Pelo menos 17 mil crianças estão afastadas das famílias na Faixa de Gaza
Notícias ao Minuto

16:31 - 02/02/24 por Lusa

Mundo ONU

"Pelo menos 17 mil crianças (...). Isto corresponde a cerca de 1% de toda a população deslocada", declarou um porta-voz do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) para os territórios palestinianos, Jonathan Crickx, aos jornalistas em Genebra, Suíça.

Falando por videoconferência desde Jerusalém, Crickx indicou que era "extremamente difícil" para os pais localizar os seus filhos porque às vezes "eles não conseguem nem dizer os seus nomes" quando chegam aos hospitais, feridos ou em perigo.

Durante os conflitos, as crianças que ficam sem os pais são muitas vezes cuidadas por outros familiares. Mas atualmente na Faixa de Gaza, onde as pessoas carecem de comida, água e abrigo, "estas próprias famílias alargadas estão a lutar para sustentar os seus próprios filhos e famílias", disse o porta-voz.

Segundo a UNICEF, mais de um milhão de crianças na Faixa de Gaza, "quase todas", precisam de ajuda em termos de saúde mental, um aumento bastante expressivo quando comparado com as cerca de 500 mil que necessitavam de tal apoio antes do início da atual guerra, desencadeada pelo ataque lançado em 07 de outubro pelo grupo islamita palestiniano Hamas contra Israel.

"Apresentam sintomas como níveis extremamente elevados de ansiedade, perda de apetite, não conseguem dormir, têm explosões emocionais ou pânico sempre que ouvem os bombardeamentos", disse o porta-voz da UNICEF.

O atual conflito foi desencadeado por um ataque sem precedentes do Hamas no sul de Israel, que causou cerca de 1.200 mortos e mais de duas centenas de reféns no dia 07 de outubro, segundo as autoridades israelitas.

Em resposta, Israel lançou uma ofensiva aérea, marítima e terrestre contra a Faixa de Gaza, um pequeno enclave palestiniano com cerca de 2,3 milhões de habitantes.

A guerra causou mais de 27 mil mortos na Faixa de Gaza, segundo as autoridades do território, controlado pelo Hamas desde 2007.

O conflito provocou também cerca de 1,9 milhões de deslocados (cerca de 85% da população), segundo a ONU, mergulhando o enclave palestiniano sobrepovoado e pobre numa grave crise humanitária.

Leia Também: Israel. Relatores da ONU unem-se para pedir continuação do apoio à UNRWA

Recomendados para si

;
Campo obrigatório