Meteorologia

  • 21 ABRIL 2024
Tempo
23º
MIN 15º MÁX 26º

Equipas de recolha retiraram mais plástico do que pellets na Galiza

A deputada Ángeles Vázquez revelou que esta semana a comissão científica se reunirá para discutir a 'maré de plásticos'.

Equipas de recolha retiraram mais plástico do que pellets na Galiza
Notícias ao Minuto

16:29 - 16/01/24 por Notícias ao Minuto com Lusa

Mundo Clima

A segunda vice-presidente da junta da Galiza, Ángeles Vázquez confirmou esta terça-feira a formação de um comité científico que estudará as consequências do despejo de pellets ao largo da costa galega.

Participarão técnicos da junta, do Estado e de três universidades e analisarão os efeitos a médio prazo do derrame, a ecotoxicidade na fauna marinha e proporão novas medidas de prevenção em caso de novos incidentes semelhantes.

A responsável pelo Ambiente também forneceu dados sobre o dispositivo lançado para recolher os pellets. Composto por 469 pessoas, o grupo trabalha em 69 praias de 30 municípios. 

Até à data, explicou o vice-presidente, a junta recolheu o equivalente a 99 sacos de pellets - os últimos sete ontem - dos 1.050 que foram perdidos ao largo da costa portuguesa. A recolha equivale a 2.476 quilos de bolas. Ao mesmo tempo, acrescentou, o aparelho recolheu 5.476 quilos de outros plásticos. Contudo,  a prioridade continua a ser a recolha dos sacos no mar antes que estes se rompam.

As buscas no mar também continuam com 14 barcos e dois helicópteros. 

Mil sacos com 26,2 toneladas destes pellets caíram ao mar, em águas portuguesas, a 80 quilómetros de Viana do Castelo, em 8 de dezembro, dentro de um contentor que estava a ser transportado por um cargueiro, segundo informações do armador do barco prestadas ao Governo espanhol.

As minúsculas bolas de plástico estão a dar à costa em quantidade no norte de Espanha, em especial na Galiza, com associações ecologistas e a imprensa local a falar em "maré de plásticos" e "areais pintados de branco".

A "maré de plásticos" alastrou para as outras regiões do norte de Espanha, com as autoridades autonómicas a ativar planos de emergência por contaminação marinha e algumas a pedirem ao Governo central que recolha o plástico ainda no mar.

Leia Também: Removidas 400 partículas de plástico de praias entre Caminha e Aveiro

Recomendados para si

;
Campo obrigatório