Meteorologia

  • 26 FEVEREIRO 2024
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 14º

África do Sul aprova parceria com banco russo para reativar refinaria

O banco russo Gazprombank vai participar na reativação de uma refinaria pública de gás na África do Sul em parceria com a estatal petrolífera sul-africana, PetroSA, anunciou hoje o Governo sul-africano.

África do Sul aprova parceria com banco russo para reativar refinaria
Notícias ao Minuto

18:15 - 11/12/23 por Lusa

Mundo Governo

Em conferência de imprensa, no final de uma reunião do Executivo em Pretória, a capital do país, a ministra da Presidência, Khumbudzo Ntshavheni, indicou que o projeto mereceu hoje a aprovação do Governo.

O financiador russo foi a "opção preferencial" da PetroSA entre 20 candidatos à reativação da unidade industrial, em Mossel Bay, sudeste do país, num projeto avaliado em 3,7 mil milhões de rands (180,1 milhões de euros ao câmbio atual), segundo as autoridades sul-africanas.

Nesse sentido, a governante sul-africana defendeu a parceria de investimento com o banco estatal russo Gazprombank através do qual dependem os compradores europeus de gás russo, no atual quadro de sanções dos Estados Unidos e da União Euroepia contra a Rússia devido à guerra na Ucrânia.

"O Gazprom investirá numa base de partilha de riscos e benefícios. É claro que a PetroSA teria feito uma avaliação de risco em relação às sanções. A África do Sul não é o primeiro país com ligações ao Gazprombank ou a empresas russas. A Índia compra petróleo à Rússia, a UE tem relações com a Rússia e até os EUA têm relações com a Rússia. Tem havido isenções das sanções dos EUA. O que o Executivo considerou fundamental foi o investimento no país e os benefícios na redução do preço dos combustíveis", referiu à imprensa a ministra sul-africana.

Ntshavheni salientou que o relacionamento da África do Sul com a Rússia "é impulsionado pela parceria nos BRICS", vincando que "isso não vai mudar amanhã".

A empresa pública PetroSA, que se encontra tecnicamente falida, encerrou a refinaria de Mossel Bay, em 2020. A unidade industrial converte gás e condensado em combustível para veículos.

Leia Também: Centenas de mineiros bloqueados por colegas na África do Sul

Recomendados para si

;
Campo obrigatório