Meteorologia

  • 22 FEVEREIRO 2024
Tempo
16º
MIN 12º MÁX 18º

Wall Street fecha sem variações à espera de estatísticas sobre emprego

A bolsa nova-iorquina encerrou sem variação relevante, com os investidores na expectativa da informação sobre o emprego, enquanto os rendimentos obrigacionistas baixaram.

Wall Street fecha sem variações à espera de estatísticas sobre emprego
Notícias ao Minuto

23:16 - 05/12/23 por Lusa

Mundo Wall Street

Os resultados definitivos da sessão indicam que o índice seletivo Dow Jones Industrial Average cedeu 0,22% e o alargado S&P500 recuou 0,06%, ao passo que o tecnológico Nasdaq avançou 0,31%.

O rendimento da obrigação do Tesouro a 10 anos baixou de 4,25% na véspera para 4,17%, que é o seu mínimo desde setembro.

"Os rendimentos obrigacionistas reagiram de forma apropriada aos dados económicos que tivemos", considerou Art Hogan, da B. Riley Wealth Management, evocando o inquérito JOLTS do Departamento do Trabalho sobre a oferta de empregos nos EUA.

Esta oferta baixou fortemente em outubro, mais do que esperado pelos analistas, para 8,7 milhões, dos 9,4 milhões de setembro. Aquele valor é o mais baixo dos últimos dois anos, mostrando que a política monetária da Reserva Federal (Fed) está a arrefecer o mercado de emprego.

"Isto envia a mensagem que se vai ver o mercado de trabalho arrefecer, o que é positivo para a política monetária e o combate da Fed contra a inflação", comentou Hogan, em declarações à AFP.

Na sua opinião, este inquérito sobre a oferta de empregos nos EUA "fez mexer as taxas na boa direção".

Para Olivia Cross, da Capital Economics, a Fed "pode estar tranquila antes da sua reunião na próxima semana quanto ao facto de as pressões inflacionistas do mercado de trabalho se estarem a dissipar".

O Comité Monetário da Fed (FOMC, na sigla em Inglês) reúne-se em 12 e 13 de dezembro e é pensamento quase unânime entre os investidores que a taxa de juro de referência ficará inalterada.

Em termos de ações, os investidores permaneceram na expectativa antes de conhecerem os números oficiais do emprego que vão ser conhecidos na sexta-feira, indicou Art Hogan.

Para Patrick O'Hare, da Briefing.com, "o anúncio de a Moody's ter descido a perspetiva da economia da China de estável para negativa também temperou parte do interesse dos compradores".

Leia Também: Wall Street segue em terreno negativo pela segunda sessão consecutiva

Recomendados para si

;
Campo obrigatório