Meteorologia

  • 27 FEVEREIRO 2024
Tempo
13º
MIN 9º MÁX 14º

Forças israelitas reiteram alerta para evacuação de Khan Younis em Gaza

As forças armadas israelitas reiteraram os avisos para a evacuação da cidade de Khan Younis, no sul de Gaza, para onde dezenas de milhares de palestinianos se deslocaram nas últimas semanas, à medida que se intensifica a ofensiva terrestre.

Forças israelitas reiteram alerta para evacuação de Khan Younis em Gaza
Notícias ao Minuto

10:23 - 04/12/23 por Lusa

Mundo Israel/Palestina

Residentes disseram à France Presse que ouviram ataques aéreos e explosões em Khan Younis durante a noite de domingo e hoje de manhã, depois de os militares de Israel terem lançado folhetos a avisar as pessoas para se deslocarem mais para sul, em direção à fronteira com o Egito.

Numa publicação em árabe difundida igualmente através das redes sociais, os militares israelitas ordenaram novamente a evacuação de duas dezenas de bairros de Khan Younis.

A guerra entre Israel e Gaza já matou milhares de palestinianos e provocou a deslocação de mais de três quartos da população do território habitado por 2,3 milhões de palestinianos.

Por outro lado, ?Israel anunciou a morte de três soldados no enclave, elevando o número soldados mortos para 75.

Entretanto, as forças israelitas mataram hoje dois cidadãos palestinianos durante um ataque militar no norte da Cisjordânia ocupada, uma zona onde a violência aumentou na sequência da guerra entre Israel e o Hamas na Faixa de Gaza.

"Dois jovens foram mortos pelas balas da ocupação israelita (...) durante um ataque na cidade de Qalqilya", declarou o Ministério da Saúde da Autoridade Nacional Palestiniana.

Os factos ocorreram hoje de manhã quando as forças israelitas abriram fogo contra o veículo em que viajavam os dois palestinianos, ferindo outras duas pessoas, refere a agência noticiosa oficial palestiniana Wafa.

O Exército de Israel ainda não forneceu qualquer informação sobre estas duas mortes.

A Cisjordânia ocupada e Israel estão a viver o maior momento de violência desde a Segunda Intifada (2000-2005): 462 palestinianos foram mortos desde janeiro em confrontos com as tropas israelitas.

A situação agravou-se na sequência da guerra de Israel contra o Hamas em Gaza, que eclodiu a 07 de outubro.

Paralelamente, a região assistiu ao surgimento de novos grupos armados palestinianos, que causaram 40 mortos, na maioria colonos israelitas, cinco dos quais menores.

Leia Também: AO MINUTO: Khan Younis vive noite "intensa"; Dois mortos na Cisjordânia

Recomendados para si

;
Campo obrigatório