Meteorologia

  • 26 FEVEREIRO 2024
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 14º

Pais e irmã de suspeito de ataque em Paris estarão sob custódia policial

Os pais e a irmã de Armand Rajabpour-Miyandoab, suspeito de ter assassinado um turista alemão, no sábado, perto da Torre Eiffel, em Paris, estão desde hoje sob custódia policial, segundo o jornal Le Parisien.

Pais e irmã de suspeito de ataque em Paris estarão sob custódia policial
Notícias ao Minuto

18:19 - 03/12/23 por Lusa

Mundo França

Os pais, que viviam com o alegado autor do ataque em Essonne, na região de Paris, são iranianos exilados políticos. Rajabpour-Miyandoab, de 26 anos, tem nacionalidade francesa por ter nascido no país.

Em caso de suspeitas de 'jihadismo' é habitual que as autoridades francesas recorram à custódia policial de elementos próximos do suspeito, com a intenção de obter informações ou detetar se também estão envolvidos.

A custódia policial em França pode ir em casos de terrorismo até 144 horas (seis dias).

Os meios de comunicação social locais divulgaram que o suspeito deixou um vídeo em que se afirmava membro do grupo 'jihadista' Estado Islâmico (EI).

No ataque, um turista alemão morreu depois de ter sido esfaqueado e duas pessoas ficaram feridas, atingidas a golpes de martelo.

O agressor, que gritou "Allahu Akbar" ("Deus é grande") antes de ser detido, já tinha sido condenado em 2016 a quatro anos de prisão por ter planeado um ataque, precisou o ministro do Interior francês, Gérald Darmanin, em declarações à imprensa no local do ataque, o 15.º bairro parisiense, a algumas centenas de metros da Torre Eiffel.

Leia Também: Scholz lamenta morte em Paris e sublinha oposição ao "ódio e terror"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório