Meteorologia

  • 23 FEVEREIRO 2024
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 14º

Exército israelita anuncia ter atacado 200 objetivos do Hamas em Gaza

Israel anunciou que depois do fim da trégua e o reinício dos combates atacou cerca de "200 alvos terroristas do Hamas" na Faixa de Gaza, onde os bombardeamentos mataram cerca de 100 pessoas, segundo o Ministério da Saúde de Gaza.

Exército israelita anuncia ter atacado 200 objetivos do Hamas em Gaza
Notícias ao Minuto

15:12 - 01/12/23 por Lusa

Mundo Israel/Palestina

"Na sequência da violação da pausa operacional por parte do Hamas, as forças terrestres, aéreas e navais atacaram, nas últimas horas, alvos terroristas no norte e no sul da Faixa de Gaza, incluindo Khan Younis e Rafah", segundo um comunicado militar israelita, confirmando a expansão dos combates a sul do enclave nesta nova fase da guerra.

A Força Aérea de Israel especificou na sua conta na rede social X (antigo Twitter) que alguns dos ataques no norte de Gaza foram efetuados por forças terrestres que operam no enclave, como as 162.ª, 36.ª e 252.ª divisões.

Ao mesmo tempo, a infantaria israelita demoliu numerosas estruturas do Hamas, incluindo túneis e plataformas de lançamento de foguetes, "algumas das quais estavam armadilhadas", detalha a nota.

Por seu lado, o porta-voz do Ministério da Saúde de Gaza, Ashraf al-Qidra, afirmou, numa breve mensagem na rede social Facebook, que "o número de mortos da agressão israelita desde o fim da trégua, esta manhã, subiu para 109 mártires e centenas de feridos".

O mesmo responsável sublinhou também que "a trégua temporária não ajudou o sistema de saúde" no enclave, que foi gravemente danificado pela ofensiva lançada por Israel após os ataques perpetrados pelo Hamas em 07 de outubro, segundo um comunicado publicado pelo ministério no Facebook.

"É necessário assegurar a entrega de material médico e de combustível a todos os hospitais de Gaza", acrescentou.

Os militares israelitas anunciaram o reinício dos combates meia hora após a trégua entre os dois lados do conflito ter expirado, às 07h00 locais (05h00 em Lisboa).

O exército israelita acusou o Hamas de ter quebrado o cessar-fogo e anunciou a retoma dos combates.

"O Hamas violou a pausa operacional e, além disso, disparou contra território israelita. As Forças de Defesa de Israel [IDF, na sigla em inglês] retomaram os combates contra a organização terrorista Hamas na Faixa de Gaza", declarou o exército em comunicado.

Leia Também: AO MINUTO: Trégua era "conveniente"; Novos ataques já mataram mais de 100

Recomendados para si

;
Campo obrigatório