Meteorologia

  • 19 ABRIL 2024
Tempo
20º
MIN 15º MÁX 21º

Cólera faz pelo menos 23 mortos na Etiópia

Pelo menos 23 pessoas morreram de cólera em duas semanas no leste da Etiópia, que foi atingida por grandes inundações, anunciou hoje a Save the Children, receando que a epidemia possa ficar "fora de controlo" na região.

Cólera faz pelo menos 23 mortos na Etiópia
Notícias ao Minuto

10:41 - 30/11/23 por Lusa

Mundo Save the Children

Na região afetada pelas chuvas torrenciais, Somália, no leste da Etiópia, com o mesmo nome do país vizinho, foram "confirmados 772 casos de cólera e registadas 23 mortes devidas a esta doença mortal em apenas duas semanas", afirmou a organização não-governamental (ONG) num comunicado de imprensa, sublinhando que mais de 80% dos casos dizem respeito a crianças com menos de 5 anos.

Embora não tenham sido registados casos desde meados de setembro, "uma combinação mortal de sistemas de abastecimento de água inundados, falta de serviços de saneamento básico e estações de tratamento de água danificadas levou a um aumento desta doença", acrescentou a Save the Children.

A epidemia de cólera na Etiópia, mas também no Corno de África, "pode ficar fora de controlo, se o Governo e os doadores não tomarem medidas rápidas para fornecer água potável e saneamento às comunidades forçadas a abandonarem as suas casas" devido às inundações, alertou a organização.

Pelo menos 57 pessoas morreram em inundações causadas por chuvas torrenciais na Etiópia, de acordo com a agência da ONU responsável pela coordenação humanitária (OCHA), e mais de 600.000 outras foram deslocadas, principalmente no sul do país.

Mais de 100 pessoas morreram também na Somália e 120 no Quénia em consequência do mau tempo ligado ao fenómeno climático El Niño.

A cólera é uma infeção diarreica aguda causada pela ingestão de alimentos ou água contaminados com a bactéria 'vibrio cholerae'.

Três quartos das pessoas infetadas não apresentam sintomas. Mas a doença pode ser letal em 10 a 20% dos casos, com diarreia grave e vómitos que conduzem a uma desidratação acelerada.

Leia Também: Sudão. UE enviou 161 toneladas de ajuda humanitária no fim de semana

Recomendados para si

;
Campo obrigatório