Meteorologia

  • 24 FEVEREIRO 2024
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 15º

Jimmy Carter faz rara aparição pública no funeral da mulher, Rosalynn

Jimmy e Rosalynn Carter estiveram casados durante 77 anos. Nas cerimónias fúnebres, estiveram mais de mil pessoas, incluindo ex-presidentes e ex-primeiras-damas do país.

Notícias ao Minuto

23:56 - 28/11/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Estados Unidos

O antigo presidente dos Estados Unidos, Jimmy Carter, que começou a receber cuidados paliativos em casa em fevereiro, fez uma rara aparição pública, esta terça-feira, nas cerimónias fúnebres da mulher, Rosalynn Carter, em Atlanta, no estado da Geórgia.

Rosalynn Carter, recorde-se, morreu no passado dia 19 de novembro, dias depois de ter sido revelado que começara também a receber cuidados paliativos na sua casa, em Plains.

Segundo a agência de notícias Reuters, Jimmy Carter, de 99 anos, compareceu nas cerimónias fúnebres, na Glenn Memorial United Methodist Church, com "um aspeto frágil".

Sentado numa cadeira de rodas, foi colocado na primeira fila perto do caixão de Rosalynn Carter, com quem esteve casado durante 77 anos. Ao seu lado, estiveram os seus filhos.

Na cerimónia, James Carter, o segundo filho do casal, prestou uma última homenagem à mãe, descrevendo-a como a "cola" que manteve a família humana. Após o seu discurso, beijou o pai na testa. 

Já a filha mais velha, Amy Carter, leu uma carta que Jimmy Carter enviou à mulher quando estava na Marinha. "Minha querida, sempre que estive longe de ti, fiquei emocionado quando voltei para descobrir o quão maravilhosa tu és. Quando te vejo, apaixono-me de novo", leu.

A cerimónia contou com a presença de cerca de mil pessoas, incluindo o atual presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e a mulher, Jill Biden, que estiveram na primeira filha, juntamente com o ex-presidente Bill Clinton e a mulher, Hillary Clinton. Estiveram também outras antigas primeiras-damas do país, como Melania Trump, Michelle Obama e Laura Bush.

Jimmy Carter, que foi presidente dos EUA entre 1977 e 1981, gostava de dizer que a sua esposa era "mais política" do que ele, um ponto que ela não contestava. Após a sua derrota em 1980, o casal estabeleceu o Carter Center em Atlanta, como um centro global para defender os direitos humanos, a democracia e a saúde pública.

EUA. Jimmy Carter e mulher "ainda de mãos dadas" no "capítulo final"

Jimmy Carter, presidente dos EUA entre 1977 e 1981, começou a receber cuidados paliativos domiciliários em fevereiro. Meses depois, foi anunciado que a mulher, Rosalynn, tinha sido diagnosticada com demência.

Notícias ao Minuto | 17:34 - 20/08/2023

Eleanor Rosalynn Smith nasceu em Plains, em 18 de agosto de 1927. A mãe de Jimmy Carter, uma enfermeira, levou-a, recém-nascida, para a casa da família Smith. Poucos dias depois, Lillian Carter levou o seu filho para uma visita, o que resultou que o então futuro presidente e a futura primeira-dama se encontraram enquanto recém-nascidos.

Casaram-se em 7 de julho de 1946, quando ele tinha 21 anos e ela 18, e foram o casal presidencial norte-americano com o casamento mais longo.

Pode ver, na galeria acima, imagens das cerimónias fúnebres em Atlanta.

Leia Também: Jimmy Carter desafiou probabilidades e comemorou 99 anos junto da família

Recomendados para si

;
Campo obrigatório