Meteorologia

  • 29 FEVEREIRO 2024
Tempo
11º
MIN 11º MÁX 16º

França quer proibir fumar em praias e parques e aumentar preço do tabaco

O tabaco mata mais de 75 mil franceses por ano e é a principal causa de morte evitável no país.

França quer proibir fumar em praias e parques e aumentar preço do tabaco
Notícias ao Minuto

17:08 - 28/11/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Tabaco

O governo francês vai avançar com uma medida que proíbe fumar em todas as praias, em parques públicos, florestas e outras áreas públicas, com o ministro da Saúde a apresentar um pacote que visa reduzir a mortalidade por tabaco no país.

Numa entrevista esta terça-feira à televisão francesa BFM, Aurélien Rousseau explicou que a legislação será apresentada no próximo ano, aumentando assim o número de locais onde as pessoas podem ser multadas por fumarem.

"Praias, parques, perto de escolas - muitos locais começaram a fazer testes e, agora, estamos a caminho de uma lei geral que demonstra a nossa determinação", disse o governante.

O tabaco é a principal causa de morte evitável em França, com mais de 75 mil pessoas a morrerem todos os anos devido ao consumo de tabaco. 

Rousseau acrescentou que o objetivo destas medidas é criar um contexto social que não "trivializa o tabaco", evitando também a sujidade adjacente a beatas largadas perto de espaços escolares e nas praias do país. O governo pretende assim, até 2030, ter uma "geração livre de tabaco".

Além disso, será também proposto o aumento do preço do maço de cigarros, que chegará a um mínimo de 13 euros em 2026 para qualquer tipo de cigarros. Segundo o governo, citando dados da Organização Mundial de Saúde e estudos independentes, o aumento dos preços é "a medida mais eficaz contra o tabaco".

A Assembleia Nacional francesa também vai votar no próximo mês uma medida semelhante, que visa banir o uso de cigarros eletrónicos descartáveis. 

Leia Também: OMS quer travar "mentiras e interferência" da indústria do tabaco

Recomendados para si

;
Campo obrigatório