Meteorologia

  • 26 AGOSTO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Número de desalojados pelas chuvas sobe para 300 mil

As chuvas recentes no Paraguai elevaram para 300 mil o número de deslocados pelas inundações, informou a UNICEF, que, no caso da capital do país, a cidade mais afetada, já as considerou as mais graves da história.

Número de desalojados pelas chuvas sobe para 300 mil
Notícias ao Minuto

10:12 - 28/06/14 por Lusa

Mundo Paraguai

Os barcos tornaram-se no único meio de transporte em muitas zonas dos bairros da capital situados na margem do rio Paraguai, ocupados pelas famílias pobres nas últimas décadas.

A Secretaria de Emergência Nacional do Paraguai (SEN) tinha quantificado, em 19 de junho, o número de pessoas deslocadas das suas casas em cerca de 200 mil pessoas.

Desde então, porém, novas precipitações provocaram o abandono das suas casas por mais pessoas, elevando o total no país para 300 mil, disse à Efe a consultora em educação da UNICEF, Cynthia Brizuela, que acompanha este assunto nesta agência da ONU.

Brizuela adiantou que esta é a inundação mais grave da história de Assunção, em termos do seu impacto.

"É pior do que a de 1983", especificou. Naquele ano viviam naquelas zonas ribeirinhas cerca de três mil famílias, que nos dias de hoje subiram para entre 15 mil e 16 mil.

Ao mesmo tempo reduziu-se o espaço disponível na cidade para recolher os desalojados.

Os cerca de 75 mil desalojados em Assunção estão distribuídos por terrenos militares, ocupados por quartéis e uma prisão, em casa de familiares ou em 91 acampamentos, que os próprios construíram com lonas, chapas e madeiras em ruas e praças.

A SEN deu aos desalojados parte destes materiais e ajuda alimentar, mas as próprias autoridades reconheceram a precariedade das condições em que se encontram.

O Ministério da Saúde alertou na sexta-feira para um aumento "considerável" das diarreias, em particular entre as crianças, e das doenças respiratórias.

No mesmo sentido, Brizuela afirmou que "o problema principal é o da saúde, higiene e saneamento".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório