Meteorologia

  • 10 DEZEMBRO 2023
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 19º

Travessias irregulares para a União Europeia aumentam 18% até agosto

Um total de 232.350 pessoas atravessaram irregularmente as fronteiras da União Europeia entre janeiro e agosto, mais 18% do que no período homólogo, e o Mediterrâneo mantém-se a principal rota, revelou a Agência Europeia da Guarda de Fronteiras e Costeira (Frontex).

Travessias irregulares para a União Europeia aumentam 18% até agosto
Notícias ao Minuto

17:58 - 04/10/23 por Lusa

Mundo Migrações

De acordo com um boletim da Frontex divulgado hoje, o Mediterrâneo Central continua a ser a principal rota migratória e aumentou 96% em comparação com os primeiros oito meses do ano passado (114.625 tentativas de atravessar irregularmente as fronteiras de países da UE).

Já a região do Mediterrâneo Ocidental registou um aumento de 14% em comparação com 2022 (9.447). Apesar do maior número de tentativas de entrada irregular, com 70.548, houve uma redução de 19% nas travessias pela região dos Balcãs Ocidentais.

Os agentes da Frontex também resgataram um total de 32.008 pessoas entre janeiro e agosto deste ano.

[Notícia atualizada às 10h54]

Leia Também: Portugal quer combater tráfico humano e "canais legais" para migrantes

Todas as Notícias. Ao Minuto.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recomendados para si

;
Campo obrigatório