Meteorologia

  • 25 FEVEREIRO 2024
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 18º

Moscovo confirma que mantém corte de 300 mil barris de petróleo

A Rússia confirmou hoje que manterá até ao final do ano a redução voluntária adicional de 300.000 barris por dia das suas exportações de petróleo, que se junta ao corte de 500.000 barris que também está a aplicar até dezembro.

Moscovo confirma que mantém corte de 300 mil barris de petróleo
Notícias ao Minuto

11:28 - 04/10/23 por Lusa

Mundo Rússia

"A Rússia vai continuar até ao final de dezembro de 2023 com uma redução voluntária adicional de fornecimentos aos mercados mundiais de 300.000 barris por dia que está a ser aplicada desde setembro", disse o vice-primeiro-ministro russo Alexander Novak, responsável pelas negociações da Rússia com a aliança OPEP+ (Organização dos Países Exportadores de Petróleo e 10 produtores de petróleo aliados).

Novak, que se reuniu hoje com as empresas petrolíferas do país para discutir a questão, explicou que "será efetuada uma análise de mercado no próximo mês para decidir se a Rússia deve aprofundar o corte ou aumentar a produção".

Este corte vem juntar-se à redução voluntária da produção de 500.000 barris por dia anunciada pela Rússia em abril, uma medida que também estará em vigor até ao final do ano, sublinhou Novak.

"A redução voluntária adicional tem como objetivo reforçar as medidas tomadas pelos países da OPEP+ para manter a estabilidade e o equilíbrio nos mercados petrolíferos", acrescentou.

Leia Também: Rússia matou seis civis na Ucrânia por dia nos últimos seis meses

Recomendados para si

;
Campo obrigatório