Meteorologia

  • 06 DEZEMBRO 2023
Tempo
10º
MIN 8º MÁX 14º

Médicos tentam que doente morta em intervenção pareça "viva" à família

Família apresentou queixa e só percebeu o sucedido após encontrar discrepâncias relativas à hora da morte da mulher.

Médicos tentam que doente morta em intervenção pareça "viva" à família
Notícias ao Minuto

16:49 - 27/09/23 por Notícias ao Minuto

Mundo EUA

Médicos de um hospital de Ohio, nos Estados Unidos, são acusados de colocar uma paciente morta numa pose para parecer "falsamente viva" ao ser vista pela família. A mulher tinha morrido num procedimento, duas horas antes, segundo um processo, citado pelo New York Post.

Tudo indica que a mulher, de 65 anos, que não foi identificada, se encontrava de "boa saúde" quando deu entrada no Adena Health System, na cidade de Chillicoth, para realizar um cateterismo cardíaco de rotina.

A família fala em discrepância entre os registos hospitalares e a certidão de óbito relativamente à hora da morte. Os registos médicos apontam que a morte ocorreu pelas 13h00, enquanto a certidão de óbito indica 15h05, o momento em que a família foi chamada e instada a retirá-la do aparelho de suporte vital.

A família quer saber a verdade e diz que a vítima foi apoiada de forma a parecer "falsamente viva", quanto já tinha sido declarada morta nos registos hospitalares.

A mulher foi submetida ao procedimento pelo cardiologista Jarrod Betz, que já foi acusado por dezenas de pessoas de falsificar as suas qualificações. 

A família já pediu uma autópsia independente.

Leia Também: "Vemo-nos lá". Homem despede-se da esposa após 73 anos de casamento

Todas as Notícias. Ao Minuto.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recomendados para si

;
Campo obrigatório