Meteorologia

  • 22 JUNHO 2024
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 27º

Lei eleitoral suscita controvérsia no parlamento do Sudão do Sul

Um grupo de deputados do partido do governo abandonou o parlamento do Sudão do Sul, acusando o Presidente, Salva Kiir, de violar um acordo de paz, depois da aprovação de uma lei eleitoral controversa.

Lei eleitoral suscita controvérsia no parlamento do Sudão do Sul
Notícias ao Minuto

06:37 - 19/09/23 por Lusa

Mundo Sudão do Sul

O contencioso incide sobre o sistema de designação de deputados, de uma extrema complexidade, previsto pela nova lei para as eleições, que devem decorrer no próximo ano.

O grupo de contestatários acusou o presidente do parlamento, Jemma Nunu Kulba, ter feito aprovar o texto à força, sem lhes ter dado "uma oportunidade justa de exprimir os seus pontos de vista sobre esta questão crucial".

O grupo de deputados apoia o vice-Presidente, Riek Machar, rival de Kiir no seio do Movimento Popular de Libertação do Sudão, e critica a proposta que visa que o Presidente possa nomear mais deputados.

Leia Também: ONU vai redistribuir dezenas de milhares de refugiados pelo Sudão do Sul

Recomendados para si

;
Campo obrigatório